Gratidão

  • By Kelly Simoes
  • 31 Oct, 2017
23 NOVEMBRO

Leia o Salmo 34.17-22

Sê forte e corajoso; não temas, nem te espantes, porque o Senhor, teu
Deus, é contigo por onde quer que andares. Josué 1.9

Desde muito jovem, meus pais me ensinaram a dizer “por favor” e
“obrigada”. Quando eu tinha 10 anos, minha mãe morreu, e minha
dor foi profunda. Ficou um imenso vazio em meu coração, e, naquela
idade, eu simplesmente não podia compreender tudo. Eu me perguntava:
Como vou falar com Deus sobre isso? Eu tinha aprendido a sempre agradecer
a Deus, mas deveria agradecer isso também?
O que eu aprendi é que, desde o momento em que começamos a orar,
Deus provê a força e as palavras de que precisamos. Deus conhece nossas
necessidades, mesmo quando não conseguimos traduzi-las em palavras.
Com o passar do tempo, tornei-me agradecida pelo que Deus me deu
a cada dia. Por meio de bênçãos e problemas, Deus me ajudou a permanecer
ancorada na fé confiando que ele estará comigo. Podemos orar com
confiança em momentos de profunda tristeza ou dor. Deus nos sustentará
e nos levará adiante.

Oração:  Deus misericordioso, graças por tua promessa de nos sustentar em todas
as circunstâncias. Oramos como Jesus nos ensinou: “Pai nosso, que
estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a
tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia dá-nos
hoje; e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós temos perdoado aos
nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal,
pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre. Amém!”.*

Pensamento para o dia:  Posso ter a certeza de que o amor de Deus me sustentará.
Oremos por alguém que esteja chorando a morte do pai e/ou da mãe.

| Irene Rodriguez (La Paz, Bolívia)

Assine e leia diariamente
Share by: