Tempo paralouvar e ouvir a Deus

  • By Kelly Simoes
  • 04 Sep, 2017
28 Setembro  

Leia Lucas 10.25-37

Então, lhe disse: Vai e procede tu de igual modo. Lucas 10.37b

O caminho da misericórdia foi a mensagem do no Cenáculo no dia
12 de abril de 2017. Recentemente, encontrei um morador de rua e
ofereci-lhe um almoço. Ele aceitou e, enquanto caminhávamos para o restaurante,
contou-me um pouco de sua vida. Perguntei o que ele desejava
comer. É preciso fazer isso, pois viver na rua é não ter mais a escolha do
que comer. Oferecer essa possibilidade é restaurar a dignidade.
Enquanto comprava a comida, entendi que eu deveria ajudá-lo a voltar
para Mossoró, Rio Grande do Norte, pois esse era seu desejo. Então,
combinamos que, no dia seguinte, ele estaria no mesmo lugar, e iríamos à
rodoviária comprar sua passagem. Voltei ao lugar no horário combinado,
mas ele não estava. Esperei apenas cinco minutos e fui embora. Segui a
vida.
Cinco dias depois, eu o encontrei; mais uma vez, combinamos um dia e
horário para sua viagem. Eu e duas amigas trabalhamos para organizar o
que era preciso: alimentos, produtos de higiene pessoal e roupas.
Chegamos ao lugar que nós havíamos marcado; mais uma vez, ele lá não
estava. Dessa vez, o esperamos por 20 minutos. Durante os próximos dias,
vamos procurá-lo pela redondeza. Não sei quando o encontrarei nem se o
encontrarei – o que sei é que preciso insistir em ajudá-lo.
Sim, usar de misericórdia dá trabalho – é isso que nos mostra a parábola.
Nós estamos disponíveis? É preciso lembrar que, ao final da parábola,
Jesus nos deixa uma ordem: “Vai e procede tu de igual modo”.

Oração:  Senhor, ajuda-nos a entender que nossa missão é servir ao próximo, sem
julgá-lo, e a fazer o melhor que pudermos para cumprir tua vontade. Em
nome de Jesus. Amém.

Pensamento para o dia:  Qual o meu limite no serviço ao próximo?
Oremos pelas pessoas que moram nas ruas.

| Andreia Fernandes (São Paulo, SP)
Share by: